A PALAVRA A...

Associação de Professores de Matemática esclarece posição sobre as Metas Curriculares

A Direção da APM considera que as Metas, organizando o programa desta forma, ignoram as especificidades de escolas e alunos.
    • a
    • a
  • comunidade
  • comentar
  • imprimir
Porque é que a Associação de Professores de Matemática (APM) discorda das atuais Metas Curriculares propostas pelo Ministério da Educação e Ciência?

Existem fortes motivos que levam a APM a discordar das Metas Curriculares. Podemos enunciar alguns:

i) Contrariam fortemente o programa (Programa de Matemática do Ensino Básico, PMEB) tanto na sua estrutura e lógica global, como em aspetos importantes dos conteúdos matemáticos.
ii) O que é introduzido ou modificado é inapropriado em relação aos anos de escolaridade envolvidos, antecipando a aprendizagem de noções que, segundo o PMEB, apenas devem ser trabalhadas num ciclo posterior.
iii) Não esclarecem nem trazem apoio relevante ao trabalho do professor, conflituando mesmo com o que tem vindo a ser trabalhado no quadro do programa em vigor.
iv) Ao contrário do que foi afirmado, não seguem nem sequer se aproximam de outros documentos curriculares produzidos a nível internacional.

O conteúdo das Metas e a sua organização numa lógica de percursos curriculares por ano de escolaridade ameaça claramente a autonomia das escolas e dos professores.

A Direção da APM considera que as Metas, organizando o programa desta forma, ignoram as especificidades de escolas e alunos; dificultam seriamente o trabalho do professor na medida em que prescrevem percursos curriculares únicos para cada ano de escolaridade, a nível nacional, limitando fortemente a sua tarefa de poder e dever adaptar e ajustar o trabalho de sala de aula às características e necessidades específicas de cada um dos seus alunos.

O parecer completo da Associação de Professores de Matemática pode ser consultado no site da APM.

APM - Associação de Professores de Matemática
    • a
    • a
  • comunidade
  • comentar
  • imprimir
Comentários
Inicie sessão ou registe-se gratuitamente para assinar os comentários
  • submeter
  • cancelar
  • visualizar
Não existem comentários. Dê-nos a sua opinião!
 
Para salvaguardar o bom funcionamento deste espaço, todos os comentários são sujeitos a um processo de filtragem e validação editorial, pelo que só serão aceites participações sem linguagem obscena, difamatória, ameaçadora ou caluniosa.

O EDUCARE.PT reserva-se o direito de não validar todos os comentários que não se enquadrem nestes pressupostos e que não se relacionem, única e exclusivamente, com a atualidade educativa.
Recordamos ainda que todas as mensagens são da exclusiva responsabilidade dos participantes, nomeadamente, no que respeita à veracidade dos dados e das informações transmitidas.