Meio milhar de professores integrados nos quadros do ME

Mais de 500 professores passaram a integrar os quadros do Ministério da Educação através do concurso externo, que teve menos candidatos do que no ano passado, mas deixou de fora mais de 33 mil docentes.
    • a
    • a
  • comunidade
  • comentar
  • imprimir
As listas definitivas do concurso externo ordinário publicadas no ‘site’ da Direção-Geral da Administração Escolar revelam que 542 docentes reuniram condições para vincular. Os números mostram que o concurso deste ano foi menos concorrido: rondou os 34 mil candidatos contra os cerca de 38 mil do ano passado.
Para o Ministério da Educação, esta diminuição deve-se ao “número excecional de professores vinculados no passado recente”.

Com a publicação da lista definitiva do concurso externo, inicia-se o período de aceitação da colocação e apresentação de recurso hierárquico.

Entretanto, os restantes professores “mantêm-se para o concurso de contratação inicial, cujas listas serão publicadas nos prazos previstos no calendário do concurso, bem como para as sucessivas reservas de recrutamento, ao longo do ano letivo”, recorda a tutela em comunicado enviado para a Lusa.

Durante a atual legislatura, vincularam cerca de oito mil docentes aos quadros do Ministério da Educação quer através de vinculações extraordinárias e da “norma-travão”, que passou a exigir apenas três contratos sucessivos, em qualquer grupo de recrutamento.

    • a
    • a
  • comunidade
  • comentar
  • imprimir
Comentários
Inicie sessão ou registe-se gratuitamente para assinar os comentários
  • submeter
  • cancelar
  • visualizar
Não existem comentários. Dê-nos a sua opinião!
 
Para salvaguardar o bom funcionamento deste espaço, todos os comentários são sujeitos a um processo de filtragem e validação editorial, pelo que só serão aceites participações sem linguagem obscena, difamatória, ameaçadora ou caluniosa.

O EDUCARE.PT reserva-se o direito de não validar todos os comentários que não se enquadrem nestes pressupostos e que não se relacionem, única e exclusivamente, com a atualidade educativa.
Recordamos ainda que todas as mensagens são da exclusiva responsabilidade dos participantes, nomeadamente, no que respeita à veracidade dos dados e das informações transmitidas.