“Nobel da Educação” chega a Portugal para destacar missão dos professores

Candidaturas estão abertas até 25 de março e o vencedor será conhecido em 3 de maio. Qualquer docente, desde o pré-escolar ao secundário, passando pela educação especial, de escolas públicas ou privadas, pode concorrer. Valorizam-se práticas inovadoras e impactos na comunidade. É um tributo a quem ensina.
    • a
    • a
  • comunidade
  • comentar
  • imprimir
O Global Teacher Prize está em 120 países e chega agora a Portugal. É um prémio que destaca os professores que contribuem para a excelência da educação e inovação e descoberta de novas respostas educativas. Todos os professores do pré-escolar ao secundário, ensino especial incluído, de escolas públicas ou privadas, podem candidatar-se. O prazo foi alargado devido ao elevado interesse e as candidaturas estão abertas até 25 de março. Em 3 de maio é divulgado o nome do vencedor do prémio promovido pela Fundação Varkey, organização sem fins lucrativos com a missão de melhorar a educação. O premiado ganha 30 mil euros.

A primeira edição do prémio em Portugal está em curso com vontade expressa de “valorizar a profunda importância dos professores no desenvolvimento do nosso país e de cada comunidade onde está inserido”. O prémio traz a educação para a ordem do dia e a partilha de saberes está sempre presente. “Acreditamos que investir na educação das nossas crianças impacta todos os quadrantes da sociedade, a qualidade de vida das famílias e ajuda a criar uma sociedade próspera e sustentável”, sublinha a organização. “Cada professor, como protagonista da educação, tem diariamente em mãos a possibilidade de fazer a diferença, e com ela, uma imensa responsabilidade”, acrescenta.

O júri tem vários critérios para avaliar as candidaturas. Os resultados dos progressos de aprendizagem dos alunos têm de estar documentados de forma clara e as estratégias que melhoram a qualidade da educação a todas as crianças, independentemente do seu contexto socioeconómico e familiar, são valorizadas na apreciação, tal como as práticas e metodologias pedagógicas.

O impacto na comunidade, o envolvimento em várias iniciativas, a participação em organizações locais, o reconhecimento público também são fatores importantes. Testemunhos escritos ou gravados de alunos, colegas, famílias, membros da comunidade podem ser anexados à candidatura que pode ser feita diretamente no site do Global Teacher Prize Portugal.

A dedicação, o trabalho em rede com outras escolas, a ligação à comunidade e ao mundo do trabalho, a promoção de intercâmbios, a partilha de boas práticas são outros elementos que pesam nesta avaliação. “Todas as partilhas são muito importantes. Às vezes o que para o professor é uma estratégia simples, para outros é uma imensa fonte de inspiração”, lembra a organização.

O Global Teacher Prize é uma espécie de “nobel da educação”, um tributo a quem ensina, que premeia a excelência na educação e valoriza a descoberta de novas respostas educativas. “Os professores têm, seguramente, um forte e difícil papel na descoberta de novos caminhos que sirvam as necessidades atuais”. Esta distinção chega ao nosso país depois de um convite feito a Afonso Mendonça Reis, autor do projeto “Inspira o teu Professor” e júri do prémio internacional, para avançar com uma edição portuguesa através da associação Mentes Empreendedoras, que dirige. Desafio lançado, convite aceite, edição trabalhada e colocada em marcha.

O professor vencedor ganha 30 mil euros nesta distinção que se assume como “um prémio para professores e que é um investimento em cada criança”. Um dos objetivos desta iniciativa é precisamente partilhar casos de sucesso nas respostas às necessidades das escolas e reforçar o papel dos professores.

Laborinho Lúcio é o presidente honorário do júri deste prémio, que conta com o apoio da Fundação Gulbenkian e da Fundação Galp. Eduardo Sá também faz parte do júri. Júlio Isidro, Nuno Markl, Rui Veloso, Fernanda Serrano, Fernando Alvim, Clara de Sousa, Júlia Pinheiro, Laurinda Alves, Conceição Lino são alguns dos embaixadores da iniciativa.

Informações:  
www.globalteacherprizeportugal.pt
    • a
    • a
  • comunidade
  • comentar
  • imprimir
Comentários
Inicie sessão ou registe-se gratuitamente para assinar os comentários
  • submeter
  • cancelar
  • visualizar
Não existem comentários. Dê-nos a sua opinião!
 
Para salvaguardar o bom funcionamento deste espaço, todos os comentários são sujeitos a um processo de filtragem e validação editorial, pelo que só serão aceites participações sem linguagem obscena, difamatória, ameaçadora ou caluniosa.

O EDUCARE.PT reserva-se o direito de não validar todos os comentários que não se enquadrem nestes pressupostos e que não se relacionem, única e exclusivamente, com a atualidade educativa.
Recordamos ainda que todas as mensagens são da exclusiva responsabilidade dos participantes, nomeadamente, no que respeita à veracidade dos dados e das informações transmitidas.