Calendário de exames nacionais 2009

A primeira fase de exames nacionais do Ensino Secundário realiza-se este ano de 16 e 23 de junho, sendo as classificações afixadas a 07 de julho, de acordo com um despacho publicado hoje em Diário da República.
    • a
    • a
  • comunidade
  • comentar
  • imprimir
O despacho assinado pelo secretário de Estado da Educação, Valter Lemos, estipula que o exame de Português do 12.º ano de escolaridade inaugura o calendário, enquanto que as provas de Matemática B e A estão agendadas para o último dia da primeira fase, período em que se realizam um total de 27 provas.

O prazo normal para a inscrição nestas provas decorre de 02 a 11 de março, e o suplementar nos dois dias seguintes. As inscrições para a segunda fase realizam-se a 08 e 09 de julho.

A segunda fase dos exames decorre de 13 a 16 de julho, com afixação das pautas a 30 de julho.

Relativamente aos exames nacionais do 9.º ano, a primeira chamada, obrigatória, realiza-se a 19 de junho para as provas de Língua Portuguesa e Português Língua não Materna, e a 22 para Matemática, com afixação dos resultados a 13 de julho.

Quanto à segunda chamada, para situações excecionais, decorre a 25 e 26 de junho, a Língua Portuguesa e Matemática, respetivamente, com os resultados a serem divulgados igualmente a 13 de julho. Já a prova de Português Língua não Materna realiza-se a 13 de julho e as pautas são afixadas a 30 de julho.

No 9.º ano, os alunos internos são automaticamente inscritos para estes provas, enquanto os externos e autopropostos devem fazê-lo de 02 a 11 de março.

Os exames de equivalência à frequência do Ensino Básico realizam-se entre 19 de junho e 06 de julho, para o 3.º ciclo, e de 25 de junho a 07 de julho para o 2.º ciclo. Haverá ainda uma segunda fase entre 01 e 07 de setembro, para os dois ciclos.
    • a
    • a
  • comunidade
  • comentar
  • imprimir
Comentários
Inicie sessão ou registe-se gratuitamente para assinar os comentários
  • submeter
  • cancelar
  • visualizar
Não existem comentários. Dê-nos a sua opinião!
 
Para salvaguardar o bom funcionamento deste espaço, todos os comentários são sujeitos a um processo de filtragem e validação editorial, pelo que só serão aceites participações sem linguagem obscena, difamatória, ameaçadora ou caluniosa.

O EDUCARE.PT reserva-se o direito de não validar todos os comentários que não se enquadrem nestes pressupostos e que não se relacionem, única e exclusivamente, com a atualidade educativa.
Recordamos ainda que todas as mensagens são da exclusiva responsabilidade dos participantes, nomeadamente, no que respeita à veracidade dos dados e das informações transmitidas.